segunda-feira, setembro 07, 2009

Dadaísmo? Ou seria algo novo?

O vazio interior
E a cama arrumada
O estampido seco
A menina desalmada
O bilhete que não será lido
O segredo na soleira
O beijo sob a chuva
A doença derradeira
As olheiras que se aprofundam
O interior que te contagia.
A beleza que te cerca,
E a menina que não se chama Maria.

2 comentários:

ptyportales disse...

Oi João!! NOssa, como as palavras fluem!! Abraços!

Laurinha B disse...

Uau.
De novo, UAU.
Nem tenho o que dizer (raro momento).